Quinta-feira, 26 de janeiro de 2017 às 10:44 em Politica
'O México não pagará por nenhum muro', reitera Peña Nieto

'O México não pagará por nenhum muro', reitera Peña Nieto

'Lamento e reprovo a decisão dos Estados Unidos de prosseguir com a construção de um muro que há anos, distante de nos unir, nos divide', afirmou presidente mexicano.


 
 

Presidente do México reprova construção de mura na fronteira com os EUA

O presidente mexicano, Enrique Peña Nieto, lamentou nesta quarta-feira (25) o decreto firmado pelo presidente dos Estados UnidosDonald Trump, para a construção de um muro na fronteira entre os dois países e prometeu defender os imigrantes mexicanos nos EUA.

"Lamento e reprovo a decisão dos Estados Unidos de continuar com a construção de um muro que há anos, distante de nos unir, nos divide. O México não acredita nos muros. Já disse várias vezes, o México não pagará nenhum muro", declarou Peña Nieto em vídeo publicado no Twitter.

Em resposta ao decreto de Trump, Peña Nieto ordenou que os 50 consulados mexicanos nos EUA reforcem suas medidas de proteção e "se convertam em autênticas defensorias dos direitos dos imigrantes".

Em sua mensagem no Twitter, Peña Nieto não citou a viagem que tem programada para terça-feira (31) aos Estados Unidos, quando se encontrará com Trump, e se limitou a dizer "terei que tomar decisões sobre os próximos passos a seguir".

O decreto de Trump foi assinado no momento em que uma delegação mexicana, liderada pelo chanceler Luis Videgaray e pelo ministro da Economia, Ildefonso Guajardo, estão nos EUA para dialogar com o novo governo em Washington e negociar a visita de Peña Nieto ao vizinho.

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!